Notícia

Estudo investiga perda de proteínas no leite cru refrigerado

Estudo alerta sobre a importância da implementação e adoção das boas práticas de produção, armazenamento, transporte e processamento para prevenir perdas da qualidade do leite e de seus derivados

Freepik

Fonte

FAPEMIG| Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais

Data

sábado, 20 junho 2020 13:40

Áreas

Agronegócio. Pecuária

Projeto coordenado pela pesquisadora Dra. Cláudia Lúcia de Oliveira Pinto, da Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG)  demonstrou o alto potencial de microrganismos na deterioração das proteínas do leite. O estudo, apoiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG), também reforça a importância da adoção de boas práticas durante todo o processo produtivo.

Para garantir a qualidade do leite cru refrigerado antes do processamento, o estudo utilizou uma técnica para separação de moléculas (eletroforese em gel poliacrilamida) para detectar perdas proteicas. Com a metodologia proposta, o projeto busca contribuir para prevenção de contaminações microbianas.

As chamadas bactérias psicrotróficas são as principais causadoras de comprometimento ao leite cru refrigerado. Isto porque são capazes de se desenvolver e se multiplicar em temperaturas inferiores a 7ºC, até mesmo a 2ºC.

Resultados

Os resultados do estudo permitiram alertar os integrantes da cadeia produtiva sobre a importância da implementação e adoção das boas práticas de produção, armazenamento, transporte e processamento para prevenir perdas da qualidade do leite e de seus derivados. A utilização de leite de baixa qualidade microbiológica impacta diretamente na qualidade dos produtos lácteos.

O projeto teve a participação de instituições como o Instituto Federal de Ciência e Tecnologia Sudeste (IF Sudeste MG) e as Universidades Federais de Viçosa (UFV) e de Juiz de Fora (UFJF).

Acesse a notícia na página da FAPEMIG.

Fonte: Agência Minas. Imagem: Freepik.

Em suas publicações, o Canal Nutrição da Rede T4H tem o único objetivo de divulgação científica, tecnológica ou de informações comerciais para disseminar conhecimento. Nenhuma publicação do Canal Nutrição tem o objetivo de aconselhamento, diagnóstico, tratamento médico ou de substituição de qualquer profissional da área da saúde. Consulte sempre um profissional de saúde qualificado para a devida orientação, medicação ou tratamento, que seja compatível com suas necessidades específicas.

Os comentários constituem um espaço importante para a livre manifestação dos usuários, desde que  cadastrados no Canal Nutrição e que respeitem os Termos e Condições de Uso. Portanto, cada comentário é de responsabilidade exclusiva do usuário que o assina, não representando a opinião do Canal Nutrição, que pode retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não estejam de acordo com estas regras.

Leia também

2020 Canal Nutrição | Canal de Notícias, Conteúdos e Rede Profissional em Alimentos, Alimentação, Saúde e Tecnologias da Rede T4H.

Entre em Contato

Enviando
ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account