Notícia

Canela pode melhorar o controle da glicemia em pessoas com pré-diabetes

Estudo clínico randomizado investigou os efeitos da suplementação com canela em 51 participantes com pré-diabetes

Pixabay

Fonte

Endocrine Society

Data

sexta-feira, 24 julho 2020 11:20

Áreas

Nutrição Clínica. Saúde Pública

A canela pode melhorar o controle de açúcar no sangue (glicemia) em pessoas com pré-diabetes e pode retardar a progressão para o diabetes tipo 2, de acordo com um novo estudo publicado na revista científica Journal of the Endocrine Society.

Estima-se que cerca de 90 milhões de pessoas nos Estados Unidos tenham pré-diabetes, o que ocorre quando os níveis da glicemia estão mais altos do que o normal e podem levar ao diabetes tipo 2. Segundo a Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD), um dos critérios para definir a condição de pré-diabetes é o valor da glicemia entre 100 e 125 mg/dl após 8 horas de jejum. Identificar estratégias para impedir a progressão do pré-diabetes para o diabetes tipo 2 é desafiador, mas importante para boa parte da população.

“Nosso estudo de 12 semanas mostrou efeitos benéficos da adição de canela à dieta para manter os níveis de açúcar no sangue estáveis ​​em participantes com pré-diabetes”, disse o Dr. Giulio R. Romeo, autor correspondente do estudo, do Joslin Diabetes Center em Boston, nos Estados Unidos. ” Essas descobertas fornecem a justificativa para estudos maiores e mais longos, para abordar se a canela pode reduzir o risco de desenvolver diabetes tipo 2 ao longo do tempo. ”

O ensaio clínico randomizado investigou os efeitos da suplementação com canela em 51 participantes com pré-diabetes. Os participantes receberam uma cápsula de 500 mg de canela ou placebo três vezes ao dia durante 12 semanas. Os pesquisadores descobriram que os suplementos de canela diminuíram os níveis anormais de glicose em jejum e melhoraram a resposta do corpo ao consumir uma refeição com carboidratos, que são características do pré-diabetes. A canela foi bem tolerada e não foi associada a efeitos colaterais específicos ou eventos adversos.

Acesse o artigo científico completo (em inglês).

Acesse a notícia na página do Sociedade Endócrina (em inglês).

Fonte: Colleen Williams e Jenni Glenn Gingery, Endocrine Society.  Imagem: Pixabay.

Em suas publicações, o Canal Nutrição da Rede T4H tem o único objetivo de divulgação científica, tecnológica ou de informações comerciais para disseminar conhecimento. Nenhuma publicação do Canal Nutrição tem o objetivo de aconselhamento, diagnóstico, tratamento médico ou de substituição de qualquer profissional da área da saúde. Consulte sempre um profissional de saúde qualificado para a devida orientação, medicação ou tratamento, que seja compatível com suas necessidades específicas.

Os comentários constituem um espaço importante para a livre manifestação dos usuários, desde que  cadastrados no Canal Nutrição e que respeitem os Termos e Condições de Uso. Portanto, cada comentário é de responsabilidade exclusiva do usuário que o assina, não representando a opinião do Canal Nutrição, que pode retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não estejam de acordo com estas regras.

Leia também

2020 Canal Nutrição | Canal de Notícias, Conteúdos e Rede Profissional em Alimentos, Alimentação, Saúde e Tecnologias da Rede T4H.

Entre em Contato

Enviando
ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account