Destaque

Estudante pesquisa germinação de sementes de butiá em larga escala

Fonte

UFSC | Universidade Federal de Santa Catarina

Data

terça-feira, 6 abril 2021 10:00

O estudante do curso de Engenharia Florestal Carlos Felipe Meuer, do Campus de Curitibanos da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), desenvolveu uma pesquisa para estimular a germinação de sementes de butiá (Butia eriospatha). Fruto apreciado na Serra, no Planalto e no Sul catarinenses, o butiá é ingrediente para a produção de doces, cervejas, licores e aguardentes.

Além de fatores como a perda de habitat natural, o butiá apresenta uma taxa de germinação natural baixa (até 2 anos) e dormência das sementes. Por causa disso, a espécie se encontra na Lista Vermelha da International Union for Conservation of Nature (IUCN) e é considerada criticamente em perigo pelo Conselho Estadual do Meio Ambiente (Consema).

Desta forma, a pesquisa de Carlos testou diferentes tratamentos para superar a dormência das sementes e acelerar a germinação, para que no futuro seja possível a produção de mudas de forma mais rápida. Vários estudos com essa espécie já foram desenvolvidos pela professora Dra.Andressa Vasconcelos Flores, desde 2014, no Campus Curitibanos.

Para a análise, foram utilizados quatro métodos destinados à superação da dormência: 1. método testemunha (sem nenhum tratamento); 2. remoção do opérculo; 3. remoção do opérculo e imersão em água por 24 horas; 4. remoção do opérculo e imersão em solução de cloreto de sódio (NaCl) 1,5%. De acordo com o estudante, a avaliação da germinação ocorreu por meses, sob condições controladas.

“Identificamos que, dentre os métodos estudados, o melhor foi a superação de dormência por meio da remoção do opérculo, (…) mas é importante salientar que a eficiência do método é diretamente dependente da planta-matriz, ou seja, funciona para alguns genótipos”, ressaltou o aluno. O resultado alcançado é um importante passo para a produção de mudas em larga escala ou escala comercial.

Acesse a notícia completa na página da UFSC.

Fonte: Maykon Oliveira – Agecom, UFSC.

Em suas publicações, o Canal Nutrição da Rede T4H tem o único objetivo de divulgação científica, tecnológica ou de informações comerciais para disseminar conhecimento. Nenhuma publicação do Canal Nutrição tem o objetivo de aconselhamento, diagnóstico, tratamento médico ou de substituição de qualquer profissional da área da saúde. Consulte sempre um profissional de saúde qualificado para a devida orientação, medicação ou tratamento, que seja compatível com suas necessidades específicas.

Os comentários constituem um espaço importante para a livre manifestação dos usuários, desde que  cadastrados no Canal Nutrição e que respeitem os Termos e Condições de Uso. Portanto, cada comentário é de responsabilidade exclusiva do usuário que o assina, não representando a opinião do Canal Nutrição, que pode retirar, sem prévio aviso, comentários postados que não estejam de acordo com estas regras.

Leia também

2021 Canal Nutrição | Canal de Notícias, Conteúdos e Rede Profissional em Alimentos, Alimentação, Saúde e Tecnologias da Rede T4H.

Entre em Contato

Enviando
ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?

ou

Create Account